PJM 2018

título da imagem

Sugestões

Três poemas de Natal de Paulo Bastos

Autor: Fernando Pessoa

30 out 2013

Última atualização: 25 nov 2018


Ao Coro dos Pequenos Cantores de Esposende

Três poemas de Natal segundo Fernando Pessoa e Mário Sá-Carneiro.

Chove. É dia de Natal (Fernando Pessoa)

Comprar

Fernando Pessoa


Chove. É dia de Natal.  Lá para o Norte é melhor:  Há a neve que faz mal,  E o frio que ainda é pior.  E toda a gente é contente  Porque é dia de o ficar.  Chove no Natal presente.  Antes isso que nevar.  Pois apesar de ser esse  O Natal da convenção,  Quando o corpo me arrefece  Tenho o frio e Natal não.  Deixo sentir a quem quadra  E o Natal a quem o fez,  Pois se escrevo ainda outra quadra  Fico gelado dos pés.  Fernando Pessoa, in "Cancioneiro"
Três poemas de Natal
  • Três poemas de Natal
  • Três poemas de Natal
Anterior | Seguinte Voltar
Publicidade
título da imagem
título da imagem
título da imagem
título da imagem
título da imagem
título da imagem
Edições Convite à Música
título da imagem
título da imagem
Con Música
Frederico Fernandes
título da imagem
título da imagem
título da imagem
título da imagem
Companhia dos Vinhos do Douro
título da imagem
ava
Mário Jorge Silva